O intelectual educador n’O adolescente de Fiódor Dostoiévski

Autores

  • João Gabriel Antonio Correia
  • Maria Renata da Cruz Duran Universidade Estadual de Londrina

DOI:

https://doi.org/10.24858/340

Palavras-chave:

Dostoiévski, modernidade, Rússia, intelectualidade

Resumo

Em 1874 o escritor russo Fiódor Dostoiévski começou a reexaminar seus antigos esboços para um novo romance. Intitulado como O adolescente, o romance narra o crescimento do jovem Arkadi nos meios sociais burgueses de São Petersburgo em meados do século XIX. Atípico na literatura dostoievskiana, mas comum na literatura do século XIX, o romance nos conta como Arkadi irá aprender sobre os temas fundamentais da vida humana e a maneira como deveria lidar com eles. Procurando destacar os elementos constitutivos desse romance de formação no sistema narrativo de Dostoiévski, ensejamos uma história da intelectualidade moderna russa em que a instrução já extrapolava os muros da escola e a racionalidade da ciência.

Referências

Fontes

DOSTOIÉVSKI, Fiódor. Memórias do subsolo. São Paulo: Hedra, 2013.

______. O adolescente. São Paulo: Editora 34, 2015.

______. Os demônios. São Paulo: Editora 34, 2013.

______. O duplo. São Paulo: Editora 34, 2013.

Estudos

BAKHTIN, Mikhail. Problemas da poética de Dostoiévski. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2005.

BERDYAEV, Nicolai. Freedom. In: ______. Dostoievsky: An interpretation. San Rafael: Sematron Press, 2009.

BERNADINI, Aurora Fornoni. Caderno de literatura e cultura russa. Organização de Arlete Cavaliere, Bruno Gomide, Elena Vássina e Noé Silva. n.2. São Paulo: Ateliê Editorial, 2008.

BEZERRA. Paulo. In: DOSTOIÉVSKI, Fiódor. O adolescente. São Paulo: Editora 34, 2015.

______. In: DOSTOIÉVSKI, Fiódor. O duplo. São Paulo: Editora 34, 2013.

______. In: DOSTOIÉVSKI, Fiódor. Os demônios. São Paulo: Editora 34, 2013.

BURKE, Peter. Cultura popular na Idade Moderna. Companhia das Letras: São Paulo, 2009

CHARTIER, Roger. Leituras e leitores na França do Antigo Regime. São Paulo: Editora UNESP, 2014.

FRANK, Joseph. Dostoiévski: O manto do profeta, 1871-1881. São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo, 2007.

______. Dostoiévski: Os anos de provação, 1850-1859. São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo, 2008.

______. Dostoiévski: Os anos milagrosos, 1865-1871. São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo, 2013.

GOMIDE, Bruno Barretto. In: Antologia do pensamento crítico russo (1802-1901) / organização, apresentação e notas de Bruno Barretto Gomide. São Paulo: Editora 34, 2013.

GROSSMAN, Leonid. Dostoiévski Artista. Editora Civilização Brasileira, Rio de Janeiro: 1967.

HERZEN, Aleksandr. Literatura e o pensamento social depois do 14 de dezembro de 1825 (1850). In: Antologia do pensamento crítico russo (1802-1901) / organização, apresentação e notas de Bruno Barretto Gomide. São Paulo: Editora 34, 2013.

KIRPÓTIN, Valiéri Ia. Caderno de literatura e cultura russa. Organização de Arlete Cavaliere, Bruno Gomide, Elena Vássina e Noé Silva. n.2. São Paulo: Ateliê Editorial, 2008.

PAMUK, Orham. O romancista ingênuo e o sentimental. São Paulo: Cia das Letras, 2011.

PEREIRA, Ana Carolina H. Caderno de literatura e cultura russa. Organização de Arlete Cavaliere, Bruno Gomide, Elena Vássina e Noé Silva. n.2. São Paulo: Ateliê Editorial, 2008.

Downloads

Publicado

11/08/2019

Como Citar

Correia, J. G. A., & Duran, M. R. da C. (2019). O intelectual educador n’O adolescente de Fiódor Dostoiévski. Revista Diálogos Mediterrânicos, (16), 110–135. https://doi.org/10.24858/340